Home


Inclusão com Responsabilidade


Acreditamos que: "O direito à igualdade só será garantido aos cidadãos com o reconhecimento e a valorização de suas diferenças".

Dados Estatísticos:

Dez por cento da população mundial são portadoras de algum tipo de deficiência. No Brasil são 24,5 milhões de cidadãos de todas as faixas etárias, segundo dados do IBGE. Quase metade apresenta problemas visuais (11,8 milhões) contra os cerca de 6,6 milhões de deficientes físicos, 2 milhões de auditivos e 4 milhões de deficientes mentais. No Brasil 40% estão no Nordeste, os demais 60% estão distribuídos pelas demais regiões de forma mais homogênea. Importante salientar que a violência urbana nas principais metrópoles tem elevado de forma considerável estes percentuais e acentuado a deficiência física em São Paulo, Rio de Janeiro e Brasília.

A Lei 8.213/91 (Lei das cotas) que institui e o Decreto 5.296/04 que regulamenta a contratação obrigatória de pessoas com deficiências pelas pessoas jurídicas, trazem um novo desafio aos processos organizacionais que precisam se despojar de convicções e paradigmas até então existentes; uma vez que não basta pesquisar e construir teorias para induzir ações transformadoras. Os eventuais resultados terão de ser combinados com um aprendizado social que incorpore elementos de ação coletiva, experimentação social e políticas públicas inovadoras. Os novos projetos de Inclusão serão estendidos a todos os grupos sociais a fim de melhor compreender como eles elaboram a construção de conhecimentos e valores nas práticas sociais.

Em função disso a DIFERENTE elaborou um Projeto de Inclusão de Pessoas com Deficiências que visa dar sustentabilidade a todas as ações do processo com vistas a uma inclusão profissional consciente, e dar suporte aos nossos clientes em mais este desafio.

Nosso projeto engloba:

• Diagnóstico para elaboração do Projeto de Inclusão com Responsabilidade.

• Análise e avaliação da conformidade de pessoal em relação à lei: • - de 100 a 200 - 2% dos cargos • - de 201 a 500 - 3% dos cargos • - de 501 a 1.000 - 4% dos cargos • - com mais de 1.000 - 5% dos cargos.

• Análise da Acessibilidade Física nos locais de trabalho - Intervenções Arquitetônicas.

• Análise da Acessibilidade Digital – Intervenções de Tecnologia.

• Mapeamento dos cargos/postos do trabalho X Deficiência – Avaliação de Medicina do trabalho.

• Sensibilização Corporativa (Alta Direção).

• Sensibilização Geral da Organização.

• Recrutamento e Seleção das Pessoas.

• Treinamento dos Recrutadores da Empresa Cliente.

• Treinamentos Técnicos aos Colaboradores para facilitar a Inclusão dos selecionados.

• “Coaching” e capacitação com os Gestores Imediatos.

• Preparação e Treinamento de inclusão aos selecionados para adaptação ao mundo Organizacional.

• Acompanhamento pós admissão junto às áreas e pessoas incluídas – Ações de Retenção.

• Validação do Programa.

• Assessoria Jurídica Trabalhista especializada no assunto – durante todo o Programa.


Agora você já pode definir, o que cabe no seu Projeto de inclusão.